Reptos territoriais de Migraminho

Reptos territoriais de Migraminho

Reptos territoriais abordados no projeto:

O projeto MIGRA MIÑO-MINHO intervém em um dos elementos territoriais vertebradores do espaço transfronteiriço entre Galiza e Portugal: a cuenca do trecho internacional do rio Miño, espaço natural de fronteira. Trata-se de uma área singular com um alto valor ecológico, social e económico que além disso localiza 5 espaços incluídos na Rede Natura 2000.

Como já se comentou anteriormente, através deste projeto se inicia pela primeira vez uma colaboração efetiva na implementação sobre o território de soluções que incidem diretamente na conservação de diferentes espécies de peixes migradores, o que supõe um avanço muito notável na colaboração entre os gestores públicos com concorrências em conservação de espécies e gestão da bacia hidrográfica.

Este projeto é importante para o território POCTEP porque suporá começar mecanismos para a gestiónde esta área natural com a finalidade de melhorar a biodiversidade, o habitat e o estado de conservação das espécies de peixes migradores do rio Miño. Trata-se, portanto, de um projeto que implica a implementação de atuações de gestão conjunta para a proteção e conservação de um espaço natural de fronteira que além disso ajudará a pôr em valor o médio ambiente e os recursos naturais piscícolas sócios.