As espécies migratórias já circulam livremente no rio Furnia

As espécies migratórias já circulam livremente no rio Furnia

A presença de vários obstáculos ao longo do rio Furnia (Salvaterra de Minho) foi um impedimento à livre circulação das espécies migratórias. Desde o projecto Migramiño, foram realizados trabalhos para eliminar estes dois obstáculos e facilitar o trânsito das espécies nas secções afectadas, através da instalação de dois dispositivos convencionais de travessia de peixes migratórios.