Segunda solta de salmão por parte da DXPN em colaboração com o ICNF e CIIMAR

Segunda solta de salmão por parte da DXPN em colaboração com o ICNF e CIIMAR

Durante a jornada de hoje os membros da Direção Xeral de Património Natural em colaboração com o Instituto dá Conservação dá Natureza e dás Florestas (ICNF) e os membros do Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental (CIIMAR), realizaram a solta de 5.100 esguines reprodutores de salmón do Rio Minho ao rio Mouro (afluente português do Baixo Minho).

Com esta ação pretende-se conseguir um reforço da população de salmones nesta zona transfronteiriça. Trata-se da segunda solta realizada no que vai de ano em colaboração com os sócios portugueses, a primeira solta teve local durante o mês de maio no rio Miño à altura de Valença-Tui.

Esta pertence ao Programa de Cooperação Transfronteiriça Espanha-Portugal (POCTEP), emoldurada dentro da Atividade 3 “Reforço e melhoria das populações de peixes migradores”do Projeto contando com o apoio da União Europeia.